O trabalho realizado pela atual gestão da Prodemge nos seus primeiros seis meses já apresenta resultados concretos para órgãos e entidades do Governo de Minas Gerais. No último mês, foi determinada uma redução de 8% nos preços praticados para a maioria dos serviços de TIC contratados pela administração pública estadual.

A medida é resultado dos esforços implantados pela empresa desde o início do ano para reduzir ao máximo seus custos e reestabelecer o equilíbrio financeiro da Companhia, que geraram uma economia de cerca de R$ 70 milhões/ano. A Prodemge efetivou medidas como a redução do quadro de empregados em regime de recrutamento amplo, a redução de contratos de terceirização de mão-de-obra, a renegociação de contratos com fornecedores, e a diminuição do número de diretorias e cargos da sua estrutura funcional.

Além dessa medida, a Companhia concederá, até o final do ano, um desconto de 5% sobre os serviços cujos preços foram reduzidos, para os clientes que estiverem adimplentes com seus contratos. Como a Prodemge não aplica o reajuste do INPC na sua base de cálculos há dois anos, a economia sentida pelos clientes chega a quase 24%.

“A grave crise financeira em que se encontra o Estado é de conhecimento e sentida por todos. O governo está trabalhando para enfrentá-la e a Prodemge, como integrante de sua estrutura, fez seu dever de casa nesse semestre”, afirma o diretor-presidente da empresa, Rodrigo Paiva. A redução de custos, aliada à melhora nas receitas da empresa, pode ser percebida pelo índice Ebtida, que em abril foi de 21,51 – em 2018, esse número foi de apenas 5,26.

O outro foco de atuação da Prodemge nos primeiros seis meses de gestão foi a transformação digital do Estado. Por meio do programa MG Digital, a empresa está trabalhando para garantir a eficiência no desenvolvimento de soluções tecnológicas que suportem os serviços governamentais, promovam sua digitalização e propiciem a desburocratização e o desenvolvimento econômico.

Um dos projetos desse programa é a plataforma de APIs, que são conjuntos de funções e procedimentos que permitem a criação de aplicativos que acessam recursos ou dados de um sistema, aplicação ou serviço. A ideia é que a plataforma seja o elo entre a sociedade e os dados do Estado. Para isso, a Prodemge estabeleceu parcerias com entidades públicas e privadas objetivando alinhar as necessidades de todos os atores envolvidos no processo. O resultado desse trabalho será apresentado nos próximos meses, quando está previsto o lançamento das primeiras APIs.

O cidadão mineiro também já percebe na palma da sua mão o esforço da Prodemge em facilitar o acesso aos serviços do Estado. O MG App implementou uma nova interface para melhorar a experiência do usuário com o aplicativo e aumentou a oferta de serviços. Até o final do ano, a evolução continua, com o lançamento de novas funcionalidades envolvendo a certificação digital, um portal de assinaturas, processos digitais, além de uma versão do MG App destinada a facilitar a atração de investimentos e a realização de negócios no Estado.

“Nosso objetivo é tornar a Prodemge cada vez mais uma empresa focada em inteligência e parcerias estratégicas, colaborando para que secretarias e entidades do governo possam utilizar a TIC como ferramenta de superação da crise e incremento da transformação digital do Estado”, conclui Rodrigo.

Conheça as principais ações da Prodemge nos seis primeiros meses de gestão:

TECNOLOGIA E INOVAÇÃO

MG App

Aumento da oferta de serviços e implementação de uma nova interface para melhorar a experiência do usuário com o aplicativo MG App. Desde janeiro, o aplicativo passou a contar com as seguintes funcionalidades:

Habilitação – envia notificações aos motoristas cuja Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vence no mês seguinte.
Transforma Minas – disponibiliza informações sobre as vagas ofertadas pelo programa e permite que os interessados se inscrevam no processo seletivo desejado;
Jornal Minas Gerais – disponibiliza as edições do jornal, permitindo ao cidadão escolher a edição que preferir, fazer pesquisas no PDF do jornal e baixar o arquivo;
Delegacia Virtual – permite o registro de ocorrência de extravio de documentos e objetos;
Transporte intermunicipal – consulta (pelo número, nome ou origem/destino da linha) de itinerário, quadro de horários e valores das passagens das linhas intermunicipais e metropolitanas. Também é possível registrar ocorrências referentes às rodovias e ao transporte intermunicipal e metropolitano, incluindo o táxi metropolitano;
Certificado Digital Prodemge – permite agendar a compra do certificado digital da Prodemge, facilitando a vida do cidadão, que só precisa se dirigir à unidade de atendimento para fazer a validação presencial exigida por lei.

Os próximos passos em relação ao aplicativo são a criação do MGApp for Business, destinado a facilitar a atração de investimentos e a realização de negócios no Estado; e a autenticação de usuário por meio da certificação digital.

O sucesso desse trabalho é mostrado pelos números. O MG App alcançou a marca de 710 mil downloads, com uma média de mil downloads por dia nas plataformas Android e iOs. Isso significa um número crescente de pessoas tendo acesso aos serviços por meios digitais, reduzindo tempo e custo. Para ilustrar, vale citar a quantidade de agendamentos realizados por meio do MG App para atendimento nas UAIs. Depois da reformulação no menu, eles aumentaram quase 400% em relação a 2018.

Programa MG Digital

O objetivo do programa é garantir a eficiência no desenvolvimento de soluções tecnológicas que suportem os serviços do Estado e promovam a transformação digital e o desenvolvimento econômico. Vale destacar dois projetos em curso:

MGapi – Proposta de construção de uma plataforma de APIs que conecte os dados e processos do Estado à sociedade, para gerar novas soluções e fomentar a economia. O primeiro passo do projeto foi a abertura de um chamamento público para conhecer as necessidades da iniciativa privada, academia, ecossistema de startups e esferas de governo em relação ao tema. Numa segunda etapa, a Companhia estabeleceu um fórum de discussão com entidades do governo estadual para alinhar informações e somar esforços, objetivando integração e fluidez nos trâmites de dados entre os órgãos. Atualmente, testes em forma de prova de conceito estão sendo conduzidos pela Prodemge com a ferramenta de gestão da plataforma.

Carro autônomo – Negociações com entidades públicas e privadas (entre elas, UFMG, Inatel, Embraer, Cemig, Iveco, Uber e Secretaria de Estado de Desenvolvimento) estão em curso para trazer para Minas Gerais o projeto do desenvolvimento de um carro autônomo, tornando o Estado um centro de pesquisa no setor e a Cidade Administrativa o ambiente de testes da solução. A Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), por entender que abrigar o polo de veículos autônomos é uma vocação estratégica do Estado, assumiu com a Prodemge o compromisso de congregar em um fórum os diversos agentes empresariais, governamentais e acadêmicos envolvidos na questão, para integrar e acelerar as ações nesse segmento.

Nuvem

A Prodemge, em parceria com a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), iniciou, em junho, os testes com quatro plataformas de computação em nuvem do mercado (selecionadas por meio de um chamamento público) na forma de uma prova de conceito (POC). O objetivo é avaliar o potencial da plataforma de nuvem, sua segurança, a integração com outras aplicações hospedadas em infraestruturas diferentes, o desempenho da aplicação, as facilidades no aprovisionamento da infraestrutura na nuvem e a disponibilidade dos serviços. Os testes terminam no próximo mês.

Consolidação do Sistema Gerenciador de Banco de Dados
A Prodemge identificou uma nova modalidade de comercialização do seu Sistema Gerenciador de Banco de Dados utilizado para atender a diversos sistemas do Estado no armazenamento e disponibilização de informações no Data Center da Prodemge. Essa modalidade é uma infraestrutura de nuvem privada que inclui hardware, software e serviços de suporte técnico, manutenção e atualização. Ela é disponibilizada como uma subscrição de serviço, de forma idêntica aos serviços da nuvem pública do fornecedor, porém implementada dentro do datacenter da Prodemge. O contrato da nova solução foi assinado em maio e não representa custos extras aos cofres da Companhia.

Redução de consumo mainframe
Buscando equacionar a demanda alta e crescente por processamento no ambiente mainframe, a Prodemge definiu uma equipe de estudos com a finalidade de otimizar o uso dos recursos computacionais desse ambiente. As ações desenvolvidas proporcionaram a redução do consumo de CPU através de otimização de código, reprogramação do processamento batch para execução em horários de menor concorrência e otimização de software básico.

Diário Oficial
O jornal Minas Gerais, o diário oficial do Estado, teve sua última edição em papel jornal no dia 8 de março: foram 626 exemplares do Diário do Executivo e 438 do caderno Publicação de Terceiros e Editais de Comarcas. O fim da impressão do diário trouxe uma economia de cerca de R$ 3 milhões por ano. A medida faz parte da mudança para um governo digital, com a disponibilização do Minas Gerais em meios eletrônicos: site e MG App.

REDUÇÃO DE GASTOS

Gastos da Diretoria
No primeiro dia de gestão houve a demissão de seis assessores e da equipe de assessoramento do gabinete, o que proporcionou à empresa uma economia de R$ 2 milhões/ano. Esse valor praticamente cobre o prejuízo da Prodemge em 2018.

Outra medida tomada foi a decisão que os diretores, incluindo o diretor-presidente, não teriam mais um carro com motorista à sua disposição. Os motoristas dedicados a esse trabalho foram dispensados ou realocados. A devolução dos carros alugados para servir à diretoria representa uma economia de R$ 136 mil por ano, que se somam a outras medidas de austeridade efetivadas.

Processos de aquisição
A Prodemge realizou um trabalho de análise dos processos de aquisição que estavam em curso na empresa nos primeiros meses do ano. O cancelamento de diversas contratações consideradas desnecessárias proporcionou à empresa uma economia de mais de R$ 3 milhões/ano.

Negociação de contratos
A Prodemge está negociando com fornecedores os contratos vigentes. Com a supressão ou rescisão desses contratos, a Companhia estima uma economia de aproximadamente R$ 9 milhões/ano.

Descontos com fornecedores
Com a negociação juntos aos fornecedores, a Prodemge economizou quase R$ 800 mil em descontos nos pagamentos.

Readequação de pessoal
A dispensa de 116 empregados contratados em regime de recrutamento amplo, além de 215 empregados terceirizados, vai gerar uma economia estimada de quase R$34 milhões/ano ao ano para os cofres da Companhia.

Nova estrutura
Com a reestruturação organizacional da Prodemge implantada, o número de diretorias foi reduzido pela metade (de 4 para 2) e o número de unidades, de 105 para 52.

Serviços gráficos
A Prodemge determinou a suspensão do convênio com a então Secretaria de Casa Civil e Relações Institucionais (atual Segov), pelo qual a empresa absorveu a prestação de serviços gráficos da extinta Imprensa Oficial – todos os serviços gráficos previamente acordados com os clientes foram finalizados neste mês. Essa absorção gerou prejuízos de R$ 28,5 milhões/ano ao caixa da Companhia.

POLÍTICA COMERCIAL

Custos e preços
Com o objetivo de estabelecer uma relação negocial mais transparente com seus clientes, a Prodemge realizou um trabalho de readequação dos seus custos e revisão de preços, a partir de estudos sobre a sua oferta de serviços. O resultado foi a redução de 8% nos preços praticados para a maioria dos serviços de TIC contratados pelos órgãos e entidades da administração pública estadual, determinada em junho. Além dessa medida, a Companhia concederá, até o final do ano, um desconto de 5% sobre os serviços cujos preços foram reduzidos, para os clientes que estiverem adimplentes em seus contratos. Como a Prodemge não aplica o reajuste do INPC na sua base de cálculos há dois anos, a economia sentida pelos clientes pode chegar a 24%.

Também está em curso uma pesquisa de preços com o objetivo de subsidiar órgãos e entidades da administração direta com informações sobre preços de mercado e auxiliar o processo de contratação da empresa. O trabalho está sendo realizado pela Fundação João Pinheiro, com participação da Seplag, e permitirá a atualização do seu portfólio de serviços e o alinhamento de sua estratégia de negócios com as melhores práticas do mercado de TIC. A primeira fase englobou os serviços de desenvolvimento de sistemas e hospedagem em mainframe e já foi concluída.

Receitas
Atenta à necessidade de aprimorar seu modelo de negócio e o atendimento aos clientes, a Prodemge está incentivando o estabelecimento de novas modalidades de prestação de serviços, como o Software as a Service (SaaS). O Sistema Integrado de Gestão Prisional (Sigpri) é o primeiro sistema a ser comercializado nessa modalidade e, no primeiro semestre de 2019, recebeu novas implementações, incluindo uma funcionalidade que utiliza tecnologia de reconhecimento facial desenvolvida pela Companhia.

GESTÃO

Participação societária
A Prodemge abriu negociações para aumentar a participação dos seus sócios na Companhia.

Integração física
Realização de estudo de integração do ambiente físico da Companhia. O estudo tem por objetivos reduzir custos, promover a coesão entre as áreas e, consequentemente, aumentar sua eficiência. A proposta é que a estrutura da empresa e sua mão de obra estejam em uma única unidade.

Programa Inovando com o Presidente
Programa criado com o objetivo de unir diretoria e empregados da Prodemge para debater ideias e pensar em soluções que tragam eficiência para o Estado, novos serviços para o cidadão e resultados para a empresa. Dois encontros foram realizados no primeiro semestre de 2019.

O primeiro abordou ações para ajudar Estado e municípios em situações de tragédia, como a que ocorreu em Brumadinho. Dois grupos de trabalho foram criados e apresentaram propostas de projetos nas áreas de geoprocessamento (MG Barragens) e voluntariado (Mobiliza Minas). Este último já foi apresentado à Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg), que demonstrou interesse em colaborar com a iniciativa.

O tema do segundo encontro foi API, inserido dentro do projeto da Prodemge de desenvolvimento de uma plataforma de APIs. Os dois grupos formados na ocasião estão trabalhando em uma API de situação de veículos e uma solução de repositório de dados de vacinas dos cidadãos.

Avaliação de Desempenho
O Programa de Gestão de Desempenho da Prodemge é uma importante ferramenta para a gestão do capital humano da empresa. A nova Diretoria determinou que o programa fosse reformulado, de modo a tornar a metodologia mais simplificada e aumentar a frequência das avaliações – a primeira delas, depois que esse projeto teve início, foi realizada em maio com a participação de mais de 94% dos empregados.

Reunião gerencial
A nova gestão retomou as reuniões com o corpo gerencial da Prodemge após um hiato de quatro anos. Esses encontros são fundamentais para alinhar as ações das áreas e permitem aos gestores debater ideias e conhecer o panorama da empresa.

Processo seletivo
Os dois diretores (técnico e administrativo-financeiro) da Prodemge foram escolhidos por meio do Transforma Minas, programa de gestão por mérito e competência do governo de Minas Gerais. Inspirado em modelos e práticas internacionais bem-sucedidas de gestão de pessoas no setor público, o Transforma Minas tem o objetivo de transformar essa cultura no âmbito do governo estadual, selecionando os melhores quadros, com a utilização de critérios meritocráticos.
No último dia 16/7, tomou posse o diretor técnico, Ladimir Freitas, empregado concursado da Companhia desde 2008. O novo diretor administrativo financeiro, Eduardo Bahia, toma posse hoje, 29/7.

RELACIONAMENTO INSTITUCIONAL

A nova gestão acredita que o relacionamento institucional com entidades públicas e privadas fortalece o trabalho da Prodemge na disponibilização de soluções digitais que beneficiem o cidadão e propiciem o desenvolvimento econômico de Minas Gerais e do país.

Nesse sentido, a Companhia se fez presente em duas reuniões do Conselho de Associadas da Abep (Associação Brasileira de Entidades Estaduais de TIC) e organizou os Fóruns de Diretores Técnicos e de Gerentes Técnicos, realizados em junho no Estado.

A Prodemge também participou do estande do Governo de Minas Gerais no 36° Congresso Mineiro de Municípios, no qual mostrou suas soluções para a transformação digital dos serviços municipais, incentivando iniciativas voltadas no segmento de cidades inteligentes.

As palestras, reuniões e visitas a organizações incluíram o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), o Centro de Inovação e Tecnologia Senai Fiemg, o Centro de Engenharia e Tecnologia da Embraer, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Belo Horizonte, o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Minas Gerais (Sebrae-MG), a Associação Comercial e Empresarial de Minas (ACMinas), a Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg), o Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel).

A Prodemge mantém ainda permanente contato com clientes e fornecedores, buscando estreitar um relacionamento que gere parcerias e fortaleça o trabalho de ambas as partes em prol do cidadão.

Controladoria-Geral do Estado
Efetivação de parceria com a Controladoria-Geral do Estado para desenvolver projeto anticorrupção que identifique focos de corrupção dentro do governo relacionados a servidores públicos e cargos políticos, por meio do uso de big data e inteligência artificial. O projeto está em fase de negociação e o termo de cooperação será assinado em breve.

Ouvidoria-Geral do Estado
A Prodemge estabeleceu um termo de cooperação técnica com a Ouvidoria-Geral do Estado (OGE) para conhecer e avaliar soluções sistêmicas de ouvidoria, subsidiando a proposição de uma ferramenta que atenda às necessidades da OGE e possa ser utilizada em substituição à que está em uso atualmente no órgão.

Lei Geral de Proteção de Dados
Junto com o capítulo Belo Horizonte da Isaca (associação sem fins lucrativos voltada para melhorias de processos de auditoria, governança e segurança da informação), a Prodemge realizou um encontro, com a presença de especialistas, sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (lei nº 13.709/2018, que regula as atividades de tratamento de dados pessoais gerenciados pelas organizações). Por meio do compartilhamento de conhecimento e da promoção do debate, o objetivo foi fornecer subsídios para as secretarias e órgãos da administração pública entenderem os impactos da nova legislação, a qual modificará a rotina dos servidores públicos e os processos do governo.

Service Desk

Precisou de algum suporte ou informação? Entre em contato com o Service Desk da Prodemge. 

 

(31) 3339 1600

(31) 3339 1251 - Certificação Digital: informação e suporte

 

Veja se sua dúvida é solucionada por meio da sessão Dúvidas Frequentes.

Dúvidas Frequentes

 

banner SDM web

Powered by ChronoForms - ChronoEngine.com